Como a Dauper se transformou e gerou resultados com o Preactor

A EMPRESA

A Dauper, empresa do setor de alimentos, realizou em parceria com a NEO o projeto de Sequenciamento Avançado da Produção utilizando o PREACTOR APS da SIEMENS. As atividades da Dauper foram iniciadas em meados de 1988, onde foi inaugurada a primeira fábrica em Canela – RS. A partir de 1990, a Dauper foi aprovada como fornecedora de cookies para o McDonald’s e consequentemente a fábrica foi expandindo ano após ano. Hoje a Dauper é fornecedora de grandes marcas do varejo, tais como: Nestlé, Mondelez, Unilever, Kellogg’s, Hershey’s, entre outras. Visando o crescimento contínuo, nos próximos meses a empresa pretende aumentar sua capacidade produtiva em 35%. A Dauper é uma das principais referências no segmento de terceirização de cookies, cookies especiais, barras recheadas e granolas do mercado.

Alguns dos produtos feitos pela Dauper

DESAFIOS

A produção, no caso da Dauper, tem orientação MTO (Make to Order). Nesse contexto, o departamento de PPCP precisa obter respostas rápidas sobre o andamento dos pedidos, bem como, ter visibilidade da fábrica no curto, médio e longo prazo. Como os tempos de preparação (setups) das linhas pode variar muito de produto para produto, a sequência de produção deve sempre tentar buscar combinações que não gerem tempos elevados para que a produtividade seja maior. Além de todas as combinações possíveis, os produtos possuem diversos insumos diferentes em suas estruturas (listas técnicas), porque cada cliente possui especificações próprias das matérias primas. Com todas essas variáveis, o time de PPCP tinha um árduo trabalho para elaborar a sequência de produção, de maneira otimizada, com o auxílio de planilhas eletrônicas. Outro fator crítico era o tempo gasto para alteração da sequência de um produto, onde toda a programação precisava ser reajustada de forma manual. Além disso, não era possível observar de maneira rápida e prática os impactos dessa reprogramação.

Com todos os desafios citados, a Dauper e a NEO Engenharia de Produção formaram uma aliança para implementação do Preactor AS (Advanced Scheduling). Com a expertise da NEO em tecnologia para gestão de produção, o projeto teve foco nos seguintes objetivos:

  1. Reduzir o tempo de sequenciamento;
  2. Otimizar os tempos de troca (setups) das linhas;
  3. Gestão visual dos status de matéria prima de cada produto;
  4. Simulações de sequenciamento das previsões comerciais futuras;
  5. Elaboração de relatórios e visões customizadas.

SOLUÇÃO

A solução foi construída com interações constantes entre a Dauper e a NEO, visando gerar um sequenciamento confiável, otimizado e de maneira veloz. A interface da solução permite que o usuário simule cenários de sequenciamento distintos considerando critérios de programação variáveis. Um desses critérios visa otimizar a programação de acordo com o menor tempo de setup possível. Consequentemente, o aprazamento de pedidos pode ser feito de maneira instantânea, bem como, a análise de capacidade das linhas de produção de acordo com os diferentes turnos empregados dentro da empresa. Através do Preactor, também se tornou viável a gestão visual de insumos (matérias primas), de acordo com uma sinaleira inteligente de cores. Essa visualização mostra quais pedidos possuem estoque, estoque e ordens de compra, somente ordens de compra ou se não possuem algum insumo. Com isso, o Preactor tornou-se um aliado para auxílio na tomada de decisão nos diferentes níveis da companhia.

Ainda mais, foram criados diversos relatórios personalizados para facilitar a gestão da programação no cotidiano do PPCP. Todas as paradas das linhas de produção, testes e demais eventos que provoquem interrupção de uma ordem de produção, são contemplados no relatório de programação que é disponibilizado para toda a empresa.

RESULTADOS

Um dos resultados com mais destaque da solução foi o aumento considerável na velocidade com que a programação é gerada em comparação ao método anterior. Antes do projeto, o sequenciamento da produção de um mês levava em torno de 2 a 5 dias para ser realizado. Já com o Preactor, o resultado é gerado em aproximadamente 10 minutos, fazendo com que o lado analítico do PPCP seja muito mais forte do que o operacional. Os departamentos comerciais e de expedição também foram beneficiados com os resultados da ferramenta, pois conseguem visualizar com facilidade quanto de cada item está sendo produzido por dia, facilitando a gestão com os clientes e também a expedição de cargas. Outro setor diretamente favorecido foi o de supply (compras), que consegue obter as datas exatas das necessidades de cada matéria prima de acordo com a sequência de produção. Além disso, com a programação das previsões comerciais futuras, a Dauper consegue analisar previamente a capacidade das linhas e anteceder ações necessárias para que o mix de produção seja atendido com êxito.

Bruno Bortolatto
Engenheiro de Produção com mais de 4 anos de experiência na indústria metalmecânica e 5 anos como consultor APS. Já atuou em diversos projetos de sucesso, tanto nacionais quanto internacionais. Busca sempre prover as melhores soluções para tornar o cotidiano da gestão da produção mais tecnológico, eficiente e prático. Apaixonado por futebol e boa música, leva o dia a dia de maneira energizada e descontraída.
Leia mais posts de Bruno Bortolatto